Terceira Automóvel Clube

O Clube

História


Data de 12 de Outubro de 1973, a primeira carta que a então comissão organizadora do Terceira Automóvel Clube, remete ao Governador do Distrito de Angra do Heroísmo, enviando conjuntamente, os primeiros estatutos a fim de serem sujeitos a apreciação pelo Ministro da Educação.

Com sede no Largo Ferreira Durão n.º 78, iniciava a sua actividade o TAC, tendo por principal objectivo a promoção dos desportos motorizados.
Pese embora só em 26 de Maio de 1975 se ter constituído por escritura o Terceira Automóvel Clube, em 1974 e conforme boletim do Instituto Nacional de Estatística, o clube tinha no seu livro de registos 174 associados.

Datam também de 1974 as primeiras participações de equipas do clube, nas provas organizadas pela Associação dos Desportos de Angra do Heroísmo, nas modalidades de Andebol, Basquetebol, Voleibol e Ténis de Mesa, o que ao longo destes anos se tornaria habitual, tendo inclusive algumas destas formações ganho notoriedade.

É conjuntamente com a Associação dos Desportos de Angra do Heroísmo o Organizador, em 11 de Maio de 1975, do «Primeiro Passo do Ciclismo». Em Dezembro de 1975 organiza a sua primeira prova oficial de automobilismo, denominada «I Circuito do Cabrito», alcançando grande sucesso, merecendo da Comissão Regional de Turismo da Ilha Terceira um voto de louvor pela realização desta prova, conforme ofício desse organismo datado de 16/01/1976.

Em 1976, com o apoio do TAC, temos a primeira participação de equipas terceirenses na Volta à Ilha de S. Miguel em automóvel. Após a obtenção junto do Automóvel Club de Portugal do Título de Organizador de Provas Desportivas (Alvará n.º 50, de 29 de Agosto de 1977), a 2 de Abril de 1978 o Clube organiza oficialmente o primeiro rali, denominado Rali da Primavera.

Desde 1978, seria o iniciar de um calendário regular de provas, Perícias, Rampas e Ralis passariam a fazer história no panorama desportivo regional, muito em especial no desporto motorizado.

Merece especial relevo a prova máxima do calendário anual do TAC o Rali Ilha Lilás, hoje Rali Além Mar/Ilha Lilás, prova de grande dimensão regional, na qual participam os principais pilotos da Região bem como de quando em vez alguns pilotos nacionais, destacando-se entre estes as participações de dois Campeões Nacionais de Ralis, José Pedro Borges e Joaquim Santos.

É de salientar também outra prova do Campeonato de Ralis dos Açores, que o Terceira Automóvel Clube organiza há muitos anos com o mesmo nome, Rali Sical, muito provavelmente a prova mais antiga em Portugal com a mesma denominação comercial. O TAC é membro associado da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting, desde a fundação da mesma, sendo o associado número 15 em mais de 80.

Participação na comissão de trânsito da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo. Realização de programas de rádio como «Musica na Estrada», colaboração com as mais diversas entidades em iniciativas de Prevenção Rodoviária, organização de provas automobilísticas no programa das Festas da Cidade (Sanjoaninas) e colaboração com clubes de outras ilhas na organização de provas, são ao longo destes anos o grande contributo deste clube para o meio em que está implantado.

É ainda a este clube que se deve a construção da Pista de Karting e da implantação desta modalidade na Ilha Terceira bem como do aparecimento dos Passeios Todo-Terreno e do Motocross.

Os passeios de automóveis e motos clássicos, através da sua secção de clássicos, estão bem vivos. As secções de basquetebol e natação estão recheadas de actividades e continuam a comprovar que a familia TAC vai muito para além do desporto automóvel.

A nossa família cresceu! Sentamo-nos numa “bacqet” colocamos um capacete ou as luvas para o volante e preparamo-nos para realizar um tempo possível numa prova especial de rali ou utilizamos os mesmos equipamentos para num circuito desenhado os kartings uns atrás dos outros procurarem a melhor classificação possível. No dia seguinte percorremos muitos trilhos desconhecidos nos nossos "Jipes" preparados para o Todo-o-Terreno e fazemos as contas na navegação com a calculadora e por vezes sem bússola. Recuamos nos anos e vamos recordar os verdadeiros automóveis e motos Clássicos que em tudo diferem dos anos actuais. Vestimos os equipamentos e entramos em campo para o aquecimento antes do jogo e de seguida nos primeiros segundos conseguimos um magnifico cesto de três pontos. Bruços, mariposa ou costas permitem-nos triunfar em qualquer piscina. O jogo inaugural quer seja na praia ou no pavilhão, permitem-nos vencer por 25-23 num serviço directo. Continuamos com as redes como adversário e com as pequenas raquetes e uma bola leve de nome “pingue-pong” permitem-nos nova vitória. Para terminar nesta única família, as nossos alas realizam uma jogada fenomenal e proporcionam mais um motivo de orgulho, com um golo original na baliza adversária.

Esta é a família do TAC, que cresceu de um momento para outro. Cresceu para nos oferecer ainda mais motivação, encher-nos de orgulho, porque na realidade somos o único clube dos Açores, com mais secções, se preferirem modalidades, e contradizendo o próprio nome Terceira Automóvel Clube, a nossa velocidade não se resume só aos carros de rali, ao desporto motorizado, com muito orgulho e sem qualquer distinção, Basquetebol, Natação, Voleibol, Ténis de Mesa e Futsal.

Viva o TAC!

Bem vindo ao novo portal do Terceira Automóvel Clube! Fundado em 26 de Maio de 1975, este é um clube que promove o desporto motorizado, mas também outros desportos não motorizados como natação, basquetebol, futsal, voleibol e ténis de mesa, bem como outras vertentes da sociedade terceirense, sendo por isso, uma Instituição de Utilidade Pública de olhos postos no futuro.